Lendo algumas matérias publicadas no CIO, encontrei uma que me chamou bastante a atenção – Gartner: três decisões que a área de TI deve tomar até 2014. A matéria é uma abordagem feita sobre o estudo da consultoria Gartner, que por meio de resultados de 2009 e algumas previsões para este ano, mostrou 3(três) decisões que a área de TI deve tomar até 2014.

Executivo de TI

Executivo de TI



São elas:
-Até 2012, 20% das empresas não terão mais ativos de TI internamente
Segundo o estudo, a virtualização, computação em nuvem e funcionários trabalhando com os próprios notebooks contribuirão para a redução de hardware dentro das empresas.
Acredito não ser uma forte tendência no mercado, pois mesmo com a adoção de estratégias como virtualização e até mesmo computação em nuvem, as empresas ainda não tem uma estrutura adequada para permitir acesso remoto aos dados e sistemas internos. Falta ainda um bom plano de Segurança da Informação e isso dificilmente ainda é obtido em empresas de pequeno porte.

-Até 2014, grande parte dos casos de sucesso das áreas de TI incluirá informações sobre as emissões de carbono do projeto
A virtualização de servidores e desktops já gera resultados importantes em termos de economia de energia, fazendo com que tal redução de custos seja um diferencial no momento de aprovação desses projetos junto ao board das companhias.
Sim, essa é uma forte tendência das empresas atualmente. Muito em breve, visando estar em acordo com as regras internacionais para diminuição do aquecimento global, modelos de virtualização e a computação em nuvem serão mais bem aceitos e praticados por grande parte das empresas. Além de diminuir custo com hardware e energia por exemplo, essa prática traz benefícios para o meio ambiente. Estaremos entrando de fato, na era da TI Verde.

-Até 2014, mais de 3 bilhões de pessoas estarão aptas a fazer transações financeiras por meio do celular
A adoção da telefonia móvel nas economias emergentes acontece de forma acelerada e, em cinco anos, é esperado que 90% da população mundial já tenha o celular e seja capaz de utilizá-lo para realizar compras online, bem como para movimentar contas bancárias.
Forte mas não o suficiente. O número de celulares aumenta muito rápido a cada dia, mas a falta de confiabilidade e segurança não tornam a possibilidade de efetuar transações bancárias tão atraente para grande parte das pessoas, principalmente para quem ainda não tem o hábito de navegar pelo celular.

Mesmo com a grande ascenção das tecnologias de virtualização e computação em nuvem, a realidade em empresas de pequeno e até médio porte é outra: essas tecnologias requerem um investimento alto, muitas vezes não suportado por estas empresas. Mas enfim, este foi o resultado de um estudo efetuado pela consultoria Gartner que mostra o que pode vir a ser uma tendência no mundo da Tecnologia da Informação, e tendência pode não se tornar realidade.
E você? O que acha dessas tendências?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *